Notícias do Mercado Imobiliário

Mercado imobiliário: setor precisa se mexer para não entrar em crise

Estoque alto, sem previsão de novos lançamentos e devoluções. O segmento vive, talvez, um dos seus priores momentos deste século

O título pode parecer calamitoso, mas não necessariamente é. O setor vive, talvez, neste ano um dos piores momentos deste século (talvez até mais), mas ainda há condições de reverter esse cenário negativo.

Este ano, o número de lançamentos cai mês a mês. Basta analisar levantamentos de todas as entidades representativas e de algumas empresas que fazem pesquisa. Além disso, o estoque - que sempre foi à âncora do setor - também não vem apresentando bons índices de venda. Ou seja, além de não colocar novas unidades no mercado, as que são remanescentes de lançamentos anteriores não são escoadas.

Pior, algumas empresas estão percebendo outro fato negativo: o número de devoluções está aumentando nos últimos meses. O ruim é que essas unidades já haviam entrado nos balanços das empresas, nas pesquisas e computadas como lucro futuro para novos investimentos, mas agora estão sendo devolvidas. Mesmo que se cobre a multa (em média é entre 10% e 20% do valor já pago, a título de despesas administrativas), ou mesmo que, em alguns casos a Justiça entenda que não deva se pagar qualquer valor, o prejuízo entra no "borderô".

Mas, calma lá, nem tudo está perdido ou o estado é crítico. O que pode ser visto como ruim é apenas uma fase, segundo agentes ouvidos pelos portais do Grupo SP Imóvel. Muitos profissionais - sejam de construtoras/incorporadoras e imobiliárias - entendem que isso é apenas transitório. Este ano, o reflexo que já vem desde 2012, coincidiu com dois eventos que, por si só, já faria o setor "dar um tempo". Copa do Mundo e eleições (lembrando que este ano foi uma supereleição, com escolha de presidente a deputados estaduais) fizeram com que o setor ficasse em compasso de espera.

O otimismo veio, mas não se mostrou com resultados concretos. Ou seja, houve grande expectativa de uma mexida positiva no setor, mas quando se percebeu, compradores não responderam da mesma forma. Um dos grandes problemas - que tende a se normalizar em breve - foi o aumento do valor do metro quadrado em algumas importantes regiões. A economia também não se mostrou tão forte e o receio dos compradores de perder emprego ou sua real condição de pagar seus compromissos foi forte.

A tendência é que o setor se normalize, que comece a lançar em velocidade mais reduzida e de forma mais pensada. Os estoques também devem ser escoados, mas isso vai levar um pouco mais de tempo para que tudo volte ao eixo normal. Como o mercado imobiliário age como uma fênix (que renasce das próprias cinzas), o cenário futuro tende a ser bem melhor. Quem espera, verá.







Criado por: Portal ZL Imóvel -https://www.zlimovel.com.br
Autor: Marco Barone (barone.noticias@spimovel.com.br) em 12/10/2014 00:00:00


Todas Notícias
21/09/2017 - 05 motivos para morar na Vila Prudente
Região conta com localização privilegiada e boa oferta
08/09/2017 - 05 motivos para morar na Mooca
Sofisticados empreendimentos garantam a qualidade de vida
25/08/2017 - More nos melhores bairros da Zona Leste
Região é uma das mais procuradas
11/08/2017 - Por que morar na Vila Formosa?
Região é composta por uma estrutura sólida
21/07/2017 - Itaquera com grande potencial para investir em Imóveis
Região se destaca no mercado imobiliário
06/07/2017 - 05 motivos para morar no Tatuapé
Região é favorita entre moradores que buscam por qualidade
07/06/2017 - O Porta ZL Imóvel celebra 11 anos
Criado em 2006 com uma ideia inovadora no mercado
01/06/2017 - Mooca tem "Arraial nos Trilhos"
Festa Junina será realizada nos dias 17 e 24 de junho
23/05/2017 - Shows especiais agitam a festa junina na Portuguesa
Sertanejo, pagode e funk serão as atrações
11/05/2017 - Prefeitura inicia processo de concessão nos Parques
Objetivo é realizar melhorias e manutenção nessas áreas
06/04/2017 - Única oportunidade para compra de imóveis
Even Day oferece unidade a partir de R$ 191 mil
06/03/2017 - Inscrições abertas para moradias populares no Centro
Interessados têm até o dia 24 de julho para se cadastrar
23/02/2017 - Prefeito João Doria e a visão dos empresários
Marcel Toledo, diretor do ZL, comenta reunião no Secovi
22/02/2017 - Bairros paulistanos dão asas à imaginação no carnaval
Quadras das escolas de samba visam à integração social
18/01/2017 - Cury realiza sonho da casa própria
Construtora disponibiliza mais de 300 unidades com descontos
09/01/2017 - Declaração de Inocorrência é obrigatória para Corretores
Procedimento deverá ser realizado até 31 de janeiro de 2017
19/10/2016 - Qual o valor da locação por metro quadrado de cada região?
Dados por número de dormitórios e estado de conservação
17/10/2016 - Quais foram os imóveis usados mais vendidos?
Pesquisa foi realizada com 320 imobiliárias da capital
13/10/2016 - Locação de imóveis continua em alta
Agosto registra crescimento de 8,94%
11/10/2016 - Mercado Imobiliário - Cresce venda de imóveis usados em SP
Financiamentos de bancos privados somam 25,26% do total
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 
Teste