Notícias
07.jan.2014
Tamanho da Fonte: A- | A | A+

Belém pode ter revitalização

Bairro vem recebendo diversos lançamentos e novos projetos da Prefeitura podem valorizar ainda mais a região

Imagem Belém pode ter revitalização
Logo Copiar Blog Notícia

O Belém, um dos bairros mais antigos da zona leste, há muitos anos foi também um dos mais valorizados da região. Isso mudou há alguns anos, principalmente pela decadência da sua principal via de acesso, a Avenida Celso Garcia, e a saída de muitas empresas da área. O bairro foi perdendo o interesse e se desvalorizando, mas isso mudou nos últimos anos e deve se intensificar ainda mais nos próximos.

O bairro ainda precisa ter um melhor aproveitamento e atrair mais empresas. Sua localização seria ideal para isso, mas os projetos da municipalidade ainda não contemplaram o Belém, não de forma intensa e nem a ponto de atender toda sua potencialidade. Mesmo assim, está mudando.

Não é de hoje que o bairro vem recebendo diversos lançamentos de todos os padrões e todos eles sucesso de vendas. A saída da Febem do bairro, a criação de um grande parque são alguns dos fatores apontados por agentes do mercado que atuam no Belém como fundamentais para essa retomada. Segundo eles, o bairro tem preços interessantes do metro quadrado e isso é essencial para que a roda gire.

Nos últimos dias o prefeito Fernando Haddad anunciou que municipalizará um antigo hospital desativado no bairro. Normalmente esse tipo de movimento faz com que o setor se anime, valorizando os imóveis e terrenos e atraindo o interesse de empreendedores e comprados. Afinal, morar no Belém é estar a meio caminho do Centro e com toda infraestrutura que o bairro sempre teve, com bom transporte, comércio, escolas etc.

Leia também:
Mercado imobiliário: terceira idade mostra sua força
O Mercado Imobiliário em 2013 e o que esperar para 2014
Mercado imobiliário: um tipo de comprador para cada região

Ainda há muito que se mudar para que o Belém cresça mais, mas há potencial e demanda. As antigas casas podem até ser fruto de inventários e brigas de herdeiros, as fábricas desativadas também podem ser uma opção, desde que o novo Plano Diretor, que deve ser votado este ano, mude isso e permita uma ocupação diferente da atual.

Ou seja, ver o Belém como um novo pólo de atração do mercado imobiliário é totalmente viável e possível. O mercado espera por isso e os compradores também.

#NOTÍCIAS
Fonte:
ZL Imóvel
O Portal de Imóvel da Zona Leste de São Paulo
www.zlimovel.com.br
Equipe de Jornalismo
Grupo de Portais Imobiliários
SP Imóvel
< Post Anterior
Prefeitura inicia processo de concessão nos Parques
Próximo Post >
Inscrições abertas para moradias populares no Centro

Localizar Notícias

Imagem Localizar Notícias do Blog